Não sei se já contei por aqui, mas Victoria mal nasceu e já tem sua primeira viagem internacional marcada #vicpelomundo Adoro! Vamos para os EUA no réveillon e para isso, comecei todo aquele processo de tirar passaporte, fazer cidadania, visto e etc.

Espero que ela curta ser uma pequena viajante como os pais são né… porque vai começar desde cedo! =)

O processo, no todo, foi bem mais simples do que eu esperava. Para tirar o passaporte dela foi bem tranquilo. Só precisei acessar o site da Polícia Federal e marcar a opção “Requerer Passaporte”. Nesse momento você vai preencher todas as informações necessárias e dados da criança, estar com a GRU paga (aquela taxa de R$257,25) e marcar a opção se a criança pode viajar apenas com um dos pais ou precisa dos dois juntos para realizar as viagens. Marquei “autorizando o menor a viajar com apenas um dos genitores, indistintamente”, assim ela pode ir só comigo ou só com o Alexandre sem precisar de toda aquela burocracia de autorização de viagem e etc.

Uma informação que eu não sabia é que a duração do passaporte para bebês e crianças pequenas é completamente diferente dos adultos. Até 1 ano de idade ele é válido por 1 ano, de 1 a 2 por 2 anos, 2 a 3 por 3 anos, 3 a 4 por 4 anos e acima de 5 ele já vale pelos 5 anos, como é o padrão. Ou seja: só vale tirar se você tiver uma viagem planejada mesmo.

Agora é a hora de separar a documentação e mandar ver. Você vai precisar de:

  • Certidão de nascimento original;
  • Identidade e CPF dos pais (ou passaporte);
  • Uma foto 5×7 com fundo branco, recente, colorida, sem data e sem nada que cubra o rosto do bebê (adultos têm a foto feita na hora, crianças menores de 3 anos precisam levar);
  • Protocolo e comprovante do pagamento da GRU;
  • Caso um dos pais não esteja presente no dia, uma autorização do pai ausente para a emissão do passaporte com firma reconhecida.
  • Caso já tenha feito, é importante levar o passaporte anterior.

(Foto do meu pacotinho para o passaporte | Nanda Castelo Fotografia)

É imprescindível que no dia do agendamento os pais estejam juntos com o bebê no ato da solicitação. Já para buscar o documento pronto, basta o menor de idade com um dos responsáveis.

Depois é só aguardar a emissão que costuma ser rápida (aqui no Rio leva no máximo 15 dias corridos) e buscar o documento pronto.