Tag Archives: saúde

dieta congelada keep light opinião cardapio 8Bom, acho que não tenho tanta propriedade assim para falar sobre esse assunto que são as tão faladas dietas de comida congelada. Mas na semana passada me rendi “a moda” e me entreguei a cinco dias de dieta intensa com comidinhas congeladas.

Escolhi o programa de 800kcal da Keep Light. Escolhi esse programa pois era uma dieta mais intensa e de apenas 5 dias. Sabia que no final de semana seria mais difícil (ou sendo sincera, impossível) conseguir seguir a dieta pois eu viajei, então, o de 5 dias seria perfeito para mim. A minha ideia era dar uma secadinha antes da viagem e perder uns 2kg, pelo menos.

Assumo que a coisa que mais me assustava nessa dieta que eu escolhi era o tal liquid day. Um dia inteiro a base de líquidos (sopas, consomes e sucos). Para uma pessoa morta de fome como eu, isso é algo realmente complicado (e apavorante!). Outra coisa que me deixava um pouco tensa eram os pratos que eu não curtia muito no cardápio. Claro que quando eu comprei as comidas eu já sabia o que ia comer, mas mesmo assim estava um pouco nervosa de não conseguir comer as coisas que eu não gosto muito. De qualquer forma, fui em frente e comi tudinho (com a fome que eu tava comia até pedra!)dieta congelada keep light opinião cardapio 4As comidas

No geral achei tudo bem gostoso. Eles tentam variar bem o cardápio pra ninguém enjoar, mudam bastante os alimentos, fazem lencinhos bem gostosos e colocam doces deliciosos para os doce maníacos. Eu que nem curto tanto, gostei.

Enfrentei bravamente os pratos que eu não curtia e comi tudinho. O liquid day, foi sem dúvidas, o dia mais difícil, mas acho que muito porque como eu não curto muito doces, passar o dia tomando suco e ter somente duas refeições salgadas são brabeira.

dieta congelada keep light opinião cardapio 5O cardápio

Esse foi o meu cardápio com café da manhã, lanche, almoço, lanche da tarde, jantar e ceia. Logo no primeiro dia eu pulei o lanche da manhã pois tomei café mais tarde e acabei tomando dois sucos a tarde. Funcionou bem pra mim e não acho que tenha afetado a dieta.

Como eu falei, acho que eles são bem criativos e conseguem variar bastante os pratos. Claro que para manter uma dieta de 800kcal não vem muuuita comida, mas em termos de sabor não dá pra reclamar. As proteínas como frango, hamburguer de salmão e filé, vem sempre acompanhadas de algum purê ou legume. No site, dá pra ver todos os detalhes, acompanhamentos e fotos da comida.

keep light dieta congelada 1A fome

O primeiro dia foi difícil gente. Ficar o dia todo no liquido não é mole, mas acho que eles fazem de propósito pois no início estamos mais focados (e acho que a reserva que eu fiz no final de semana ajudou! hahahah). No primeiro dia senti muita azia e queimação também, coisas que eu nunca sinto. Então, entranhei e achei que poderia ser do dia liquido.

Nos outros dias foi mais tranquilo, mas eu ainda senti fome. Acho que alguns de vocês acompanharam a minha semana no Snapchat (coisasqueamamos) e viram tudinho por lá. Claro que no final já sentia bem menos fome, mas ainda assim sentia alguma coisa, não posso negar. Como eu não sou muito ligada em doces, trocaria facilmente as ceias por mais quantidade de comida no prato do almoço e jantar. O mesmo serve para alguns lanchinhos doces como bolinhos, salada de fruta… preferia que fossem snacks salgados, mas isso é a minha opinião.

dieta congelada keep light opinião cardapio 2Os sucos e sopas do primeiro dia, o dia líquido.

Meu objetivo

Diferente da maioria das dietas, essa em especial, eu fiz única e exclusivamente para dar uma secadinha antes de uma viagem de final de semana. Não estava com planos de fazer uma reeducação alimentar, não estava achando que a minha alimentação ia ser diferente depois disso, estava apenas querendo perder uns kilinhos para um final de semana na praia.

O resultado

Nesses 5 dias seguindo a dieta a risca, sem nenhuma escapulida eu consegui emagrecer 3,300kg, que eu achei ótimo. Esperava até um pouco menos que isso. Não medi barriga, perna, quadril… mas senti diferença na balança e visualmente percebi algumas mudanças no meu corpo. Exatamente o que eu queria.

dieta congelada keep light opinião cardapio 6Pontos negativos

O preço alto, na minha opinião, é um dos principais pontos negativos. Cada refeição sai a R$13,90. O valor não é alto eu sei, mas se você parar para pensar que algumas você não come por algum motivo, outras você não pagaria para comer numa situação normal porque tem em casa (ou coisa do tipo) e etc, acho que acaba saindo carinho.

Outra coisa que eu não curti foi a tabela nutricional. E olha que eu não entendo absolutamente nada do assunto hein! Mas alguns pratos tem uma quantidade de sódio tão grande que chega a espantar.

Uma coisa que eu enviei para eles como sugestão e que me incomodou não ter, era a possibilidade de trocas e mudanças no cardápios. Não digo para eles autorizarem qualquer mudança, mas pelo menos permitirem que o consumidor troque 2 ou 3 pratos principais e 1 ou 2 lanches. Eles inclusive poderiam sugerir as opções de troca para que não fique super aberto para o consumidor. Enfim, fica a dica para eles.

A última coisa que eu não gostei foi que quase todos os dias que fiz a dieta (3 dos 5 pra ser mais precisa) eu tive muita azia e refluxo, coisa que eu nunca tenho. Imagino que isso esteja diretamente relacionado a alimentação. Nada grave, mas chatinho, sabem?!

dieta congelada keep light opinião cardapio 3Detalhes

Bom, eu comprei essa dieta no site da KeepLight (que entrega no Rio e em São Paulo). O meu pacote foi o de 5 dias (com liquid day) e custou R$415 (com o frete incluso). Não achei barato, mas atendeu a minha demanda muito bem.

As comidas vem congeladas e marcada com os dias exatos que você deve consumir aquele produto. Vem também o cardápio para você não errar a ordem das coisas e uma tabelinha de opções para troca (caso você não goste de alguma coisa do cardápio).

Para consumir eu costumava deixar do dia para a noite na geladeira e depois colocava em temperatura ambiente somente o lanche da manhã (caso ele não pudesse ser aquecido) para que as coisas não ficassem congeladas. Todas as refeições vem em embalagens que podem ir ao microondas  e muitas das comidinhas que vem podem ser aquecidas de outras formas como forninho e sanduicheiras.

Achei a quantidade de comida pequena, mas não fiquei surpresa dado que eu escolhi o pacote com a menor quantidade de calorias. Ainda assim, era tudo bastante saboroso, comidas variadas e gostosas, sem ser só aquela coisa de “comida de dieta”. dieta congelada keep light opinião cardapio 1Opinião geral

Não acho que esse dieta possa ser feita eternamente (até porque basta uma analisada na tabela nutricional para você ficar um tanto quanto espantado com a quantidade de sódio em alguns dos pratos), mas acho que pra quer dar uma secadinha com um objetivo específico, como foi o meu caso é uma boa opção.

No geral eu gostei muito e achei que atendeu as minhas necessidades. Quero experimentar essas dietas de outras marcas para ver se sinto diferença entre elas. Seja de quantidade de comida, sabor, variedade do cardápio, preço ou resultado final. E vocês? Já seguiram alguma dieta assim?

Continuo naquela eterna luta contra a balança. Vocês sabem, me acompanham há alguns anos e entendem que comigo a coisa é contínua… já falei por aqui várias vezes sobre dietas, tentativas frustadas ou não de emagrecer, alimentos… Mas acho que falei pouco sobre exercícios por aqui, até porque, isso era coisa rara na minha vida. Mas agora, isso mudou! E fico muito orgulhosa de contar para vocês.

Não, ainda não sou obcecada por malhação (nem de perto) mas já me acostumei a ir pra academia. Estou criando uma rotina bacana, e o melhor: me apaixonei por algumas atividades que me ajudam muito a não “matar” a academia. Pode ser a novidade, a nova atividade, mas não sei… realmente estou gostando.

Na minha academia tem várias aulas bacanas, e resolvi experimentar algumas dessas para queimar mais caloria e ajudar na perda de peso. A primeira que fiz foi a aula de Dance Mix, que nada mais é do uma aula de dança com rítmos variados. Gente, essa aula é um exorcismo. Boa demais! Queima todas as calorias do mundo e ainda é muito divertida. Toca de funk a backstreet boys. A aula é tão bacana que os 50 minutos passam voando e quando eu percebo, já acabou. Mará!

Outra aula que eu estou amando é a aula de ballet fitness. Sei que essa é uma “modalidade modinha”, que daqui a pouco vai passar e que provavelmente eu mesma vou desistir dela em algum momento. Mas por enquanto estou adorando. É totalmente diferente da aula de dança. Sim, toca música clássica. Sim, tem pliê pra dar e vender e sim, é cansativa pra caramba. Além dos passos tradicionais de balé, você tem muita atividade no chão, é a parte fitness da aula. Exercícios focados em abdome e pernas, e também um pouquinho de braço. É super cansativo. Normalmente saio com as pernas tremendo e adoro essa sensação.

Essas aulas estão funcionando muito bem pra mim pois além de serem em um horário que super se encaixa no meu dia a dia, elas são diferentes de tudo que eu costumo fazer. Então, tento misturá-las com um pouco de musculação (é chato, eu sei, mas é necessário pra não ficar toda mole!) e com uma dietinha balanceada (pelo menos durante a semana!).

betina dantas bale fitness(Betina Dantas, a criadora do Ballet Fitness)

Já vejo os resultados no meu corpo. O que me motiva a continuar mais e mais, sabe!? É legal começar a ver o resultado desse esforço. Por isso estou gostando tanto. Espero que eu continue assim e que mais do que atividades que eu estou curtindo, elas se tornem um hábito na minha vida.

Ah! Acabei de lembrar que a BodyTech tem um aplicativo de exercícios onde você pode testar as aulas de danças. Acessem ai pra ver se vocês curtem: BT FIT! Além das aulas de dance mix você pode testar outras aulas, claro. Então, aproveitem e façam aquele exercíciozinho em casa quando a preguiça de sair bater.

(foto obviamente meramente ilustrativa! hahahaha)

Vocês tem acompanhado no snap (segue ai, @coisasu) minha busca eterna iterminável pela vida saudável e pelo corpo magro, mas nem só de exercícios se faz isso, certo? Pois é! Por mais que eu ame comer comidinhas deliosamente gordas, não dá pra fazer isso sempre e durante a semana eu tento dar uma segurada na dieta. Para isso, conto com a colaboração de alguns alimentos que estão me ajudando muito a seguir firme e forte:

  • Aspargos frescos: Depois que eu descobri que eu posso comer aspargos até não poder mais eu aderi completamente a esse alimento. Dependendo da forma como for feito, ele não engorda quase nada, é verde (cor que normalmente não é encontrada no meu prato) e é super saudável. Contra: acho caro.
  • Palmito Pupunha: Sempre fui tarada por palmito, mas desde que entendi que eu mesma posso fazer em casa, estou completamente viciada. Amo o sabor, adoro saber que é super magro e saudável e melhor ainda, adoro a facilidade do preparo. Na minha opinião combina com qualquer coisa. Ou seja, ótima pedida. Contra; acho bem caro.
  • Bananadinhas sem açúcar: Não sou muito dos doces, mas essa bananadinha conquistou meu coração. É uma excelente pedida para os lanchinhos da manhã ou praquela hora que bate um desespero por doce. Cada uma tem mais ou menos 20g e 30kcal. Acho ok comer umas duas ou três nesse lanchinho. Contra: enjoa depois de um tempo.

 

  • Glucerna: Sou apaixonada pelo Glucerna há uns 2 anos, desde que descobri a existência dele. Ele é ótimo para substituir uma refeição como café da manhã ou jantar, ou boa opção para um pós-treino, que no meu caso é também o café da manhã. Ele não é magrinho, afinal, tem 200kcal, mas é uma opção proteica bacana pra mim. Contra: acho carinho.
  • Tapioca: Descoberta desse ano que já virou hábito familiar. Quando não tomo Glucerna, meu café da manhã é a tapioca. Adoro o fato dela ser gostosa, similar ao pão (porém sem as coisas ruins como o glutén), permitir várias misturas e sabores. Contra: chatinho ter que fazer.
  • Optfast: Esse é uma espécie de shake, mas não é bem um shake em si. Boa opção para substituir um jantar naquelas semanas de consciência super pesada. Ele é bem gostosinho e pode ser misturado com água, se você quer bem magrinho, ou com leite e fruta se você quer mais saboroso e sustancioso. Contra: difícil de achar e enjoa rápido.
  • Feel Good: Quando abro minha cabeça para experimentar coisas novas acontece isso: me vicio. Sou completamente tarada pelos chazinhos da Feel Good. Além de serem ótimos, tem caloria zero e são termogênicos. Boa opção para beber a todo momento. Meu sabor favorito é o Chá Branco com Lichia. Contra: raríssimo em restaurantes.

  • Batata Doce: O carboidrato do momento. Nessa fase de malhação e dieta, tento comer coisas mais saudáveis e que não matem a minha dieta. A batata doce é o meu carboidrato do momento. Posso comer em maior quantidade no almoço e posso até comer um pouquinho no jantar. Contra: a batata inglesa é muito mais gostosa.
  • Beauty Candy: Recebi um jabá que vinha com um pacotinho dessa beauty candy. Pra que gente?! Pra deixar a pessoa viciada! Essa bala é uma delicia. Parece uma balinha de gelatina tradicional, só que não é. Ela é cheia de colágeno e vitaminas e faz super bem pra saúde. Pra completar, tem nada de calorias também! Contra: se você comer muitas pode ter problemas intestinais. (Vende aqui e aqui)
  • Marmita: Ok, isso não é um alimento, mas se enquadra no item alimentação de dieta. Já até falei sobre ele aqui. Levar comida para o trabalho pelo menos 3x por semana me ajudou muito. Com a minha marmitinha controlo muito melhor o que eu como, as quantidades, a forma como são feitos os alimentos… Contra: as vezes enjoa comer o “de sempre” por falta de criatividade.

Ufa! Acho que com essa listinha eu consegui passar para vocês os alimentos que eu tenho comido bastante e que tem me ajudado. Claro que eu faço tudo isso acompanhada por uma médica. Por isso, recomendo que vocês procurem um médico e peçam uma recomendação. Não necessariamente o que é bom pra mim será bom pra vocês também, certo?!

E animem-se! O verão está chegando, as férias e o ano novo também. Tracem uma meta e façam um esforcinho para alcança-la. Tenho certeza que quando vocês se empenharem, vocês conseguirão e poderão até tomar gosto pela coisa, viu?! Experiência própria!

Outro dia uma amiga me contou um segredo para deixar as unhas mais fortes e hidratadas. Pra começar, eu nem sabia que as unhas ficavam desidratadas, mas aparentemente elas ficam e isso é motivo para unhas mais quebradiças e que acabam desfolhando, sabem como?!

Ela me disse uma a manicure dela colocava algumas gotinhas de Bepantol líquido na base e no esmalte antes de aplicar nas unhas e que isso ajudava muito a deixar as unhas sempre fortes e hidratadas. Assim, elas ficavam mais “elásticas” e menos quebradiças.

coisas que amamos milagre da unha bepantol e baseObviamente eu testei a tal receita milagrosa. Pedi para a minha manicure deixar separada uma base com Bepantol para que ela aplicasse em mim toda semana. Já estou usando esse milagre caseiro há um mês e estou realmente satisfeita. As minhas unhas parecem bem mais resistentes e quase não quebram mais. É uma opção mais barata para quem costumava usar com frequência o fortalecedor de unhas da Mavala.