Esse era um vídeo que eu estava doida para fazer. Como vocês sabem, sou meio organizada demais (prazer, virginiana) então, deixar tudo certinho e estar preparada para imprevistos é quase uma especialidade. Quando a gente vai viajar, imprevistos acontecem, e se o destino for frio, é bom estar bem preparada para não passar perrengue. Arrumar bem a sua mala de mão de inverno é fundamental para garantir que você vai ter uma viagem mais tranquila, sem estresse e com o mínimo de perrengue que você puder evitar estando com a mala correta.

E ai? Gostaram? Acham que esse video ajudou vocês a deixar a mala de mão super organizadinha? Como diz o ditado popular, é melhor prevenir do que remediar né? Então, não custa nada pecar pelo excesso e caprichar na malinha. Eu faço isso há anos, já tive a mala extraviada e foi a mala de mão que me salvou, por isso, só viajo com mala de mão e recomendo sempre que vocês façam o mesmo!

Se vocês gostaram do video e quiserem acompanhar as novidades do canal, não esqueçam de se inscrever e, claro de curtir o vídeo. É assim que eu consigo ver o que vocês gostam e o que não gostam de assistir no CqA TV. Ah! Lembrando que quem está inscrito no canal, assiste os videos sempre primeiro e tem acesso a conteúdo exclusivo! =)

Estou pra fazer esse post desde a minha viagem pra Europa no ano passado, depois dos perrengues que eu passei quando a Air France perdeu minhas malas num inverno de 2° graus em Paris as vésperas do reveillon. Sentiu o drama? Pois é… desde então eu prometi a mim mesma que meu excesso de zelo e organização com as coisas de viagem nunca mais seriam reprimidos por mim mesma ou pelos outros que me olham estranho quando tiro xerox de todos os documentos, cartões, passaportes, vouchers… A questão foi, eu cheguei em Paris, as minhas malas não. O que fazer nessas horas? Eu até que me sai muito bem, mas não posso negar que isso aconteceu por conta de uma mala de mão muito bem montada (e pensada inclusive para esses casos).

Eu tinha tudo que era necessário para não morrer de frio e para chegar ao hotel na mala de mão. Levei um bom casaco, uma muda de roupa (entenda: meias, calcinhas, meia calça, ciroulas e camisetas térmicas…), cachecol, luva e gorro, além de toda a documentação necessária para sobreviver. Por isso desde então dou tanta a importância da mala de mão! Nessa viagem eu não poderia fazer nada diferente fazendo da minha mala de mão uma mini mala.

  1. Muda de roupa: Leve roupas adequadas para o tempo que você vai pegar no seu destino
  2. Bagulhetes de avião: Travesseiro inflável (ótimo por que ocupa pouquissimo espaço), tapa olho e adaptador de tomadas.
  3. Necessárie de cabos: Nessa bolsinho levo tudo que eu posso precisar na viagem relacionados aos meus eletrônicos. Carregadores, cabos, baterias…
  4. Pasta de documentos: Ai tenho xerox de tudo. Passagens, vouchers, passaportes, identidade, carteira de motorista, cartões… além de tudo que eu vou precisar durante a viagem que não pode se perder.
  5. Bijoux e queridinhos: Sempre levo na mala de mão coisas que não gostaria de jeito nenhum de perder. Minhas bijoux, uma ou outra peça queridinha, jóias…
  6. Travel Wallet: Amor da vida né!? Desde que comprei não largo mais. Coloco os dois passaportes (tenho dupla cidadania), vistos e autorizações necessárias para o embarque.
  7. Saquinho:  Com meia, meia calça, cachecol, gorro, luva, lingerie e qualquer outra coisa que você possa precisar em caso de extravio de bagagem.
  8. Entretenimento de bordo: Revistas, livros, caça palavras, ipad, notebook e o que mais você quiser.
  9. Bolsinha de make: Lembre-se que para voos para Europa e EUA, é necessário que a sua necessaire com liquidos (sim, balms e rimel são considerados liquidos) seja visível/transparente. Não sei o porque, mas eles  pedem isso. Separei a minha maquiagem em duas partes. Uma foi na mala, com coisas menos usuais e a outra vai comigo na mala de mão. Lembre-se que há uma limitação de “liquidos” por pessoa, cuidado para não exceder a sua e ter suas coisas confiscadas no aeroporto.
  10. Farmacinha: Praí tambem tem macete. Levo uma parte na mala de mão e a outra na mala normal, se a bolsinha da mala de mão for confiscada ou se a mala extraviar, não fico sem meus remédios. Se você toma ou está levando alguma medicação tarja preta ou que precise de autorização médica para isso, leve um atestado legível, escrito em inglês pelo seu médico, autorizando você a transportar o remédio. Assim você evita qualquer problema com a polícia federal daqui ou do seu destino. E claro, não exagerem na quantidade de remédios pra não acharem que você está traficando alguma coisa.

Ufa! Espero ter ajudado a vocês que vão viajar a montarem suas malas de mão. Quem quiser ler mais sobre isso a Dri Miller fala sobre o assunto aqui e aqui, e a Camila Coutinho do Garotas Estúpidas mostrou a sua mala de mão e a da Thassia Naves aqui.