IMG_5708Lembram do post em que contei sobre meu drama para achar o vestido de madrinha? Então, o casamento foi nesse final de semana e finalmente posso mostrar pra você o meu look escolhido. Antes de tudo, porém, preciso falar como foi incrível. Tudo lindíssimo, noivos super animados, noiva princesa linda de morrer, convidados curtindo muito e uma festa rave que durou quase 12 horas. Demais!

Mas voltando ao drama do vestido… depois de ir a mais de 20 lojas consegui encontrar um vestido que eu realmente gostasse na Animale. Já tinha entrado lá e não tinha encontrado nada, mas resolvi “dar uma segunda chance” quando vi que a loja estava em promoção e eu já estava ficando em pânico. Por acaso (e por um vendedor mara!) encontrei esse vestido que não tinha visto em nenhuma das outras lojas e com 40% off <3

image1 (4) IMG_5712IMG_5714Ele é exatamente como eu queria e como eu tinha imaginado na minha cabeça. Tecido fluido, manguinhas para proteger um pouquinho do frio, estampa linda e elegante, e pra melhorar ainda achei que me vestiu bem! =) Muita felicidade. A única coisa ruim foi o preço. Apesar do desconto, ainda ficou um pouco acima do meu budget, mas tudo bem. Já superei isso!

Finalizei o look com a clutch da Ateen que já apareceu aqui, com a sandália da Arezzo que também já apareceu por aqui e caprichei no brinco. Como queria usar o cabelo preso, optei por escolher um brincão. Acho que dá um charme a mais, sabem!? Fiz um rabo meio alto, com duas trancinhas laterais… curti!

IMG_5704 (1) IMG_5719E ai? Gostaram da minha escolha? Eu fiquei super satisfeita e espero poder usar esse vestido outras vezes. Achei ele lindo demais e quero aproveitar bastante. (Aliás, posso dizer que eu curti bastante a produção como um todo?! heheheh)

Mês que vem vou ser madrinha de mais um casamento. Estou amando! Adoro o casal, sempre torci por esse momento e estar no altar pertinho deles na hora em que eles vão firmar essa união é uma grande emoção e honra para mim. Mas assumo pra vocês que estou penando… Sim, sofrendo internamente porque não consigo achar “o vestido ideal”. (Podia até virar programa no Discovery Home&Health isso! hahahha)

O casamento vai ser durante o dia, na serra. Ou seja, é frio. Isso poderia ser um fator restritivo na compra do vestido pra muita gente, mas não é pra mim. Sou calorenta e com 5 minutos de pista de dança vou estar suando em bicas mesmo que faça 1 grau por lá. Me conheço. Portanto, não estou exigindo absolutamente nada com relação a isso.

drama de madrinha de casamentoAlgumas vezes em que fui madrinha com os meus vestidos escolhidos…

O meu drama é outro. Apenas não acho uma roupa bonita por um preço razoável. Entendam, um vestido que provavelmente só vai ser usado uma ou duas vezes no máximo não pode custar 4 salários mínimos. Apenas não pode. Não pra mim. Não acho honesto pagar esse preço.

Nas últimas 2 semanas estive em mais de 20 lojas no Rio procurando por vestidos de festa… sem exagero: 20 lojas. Perdi tempo contando. Em poucas achei alguma coisa realmente bacana por menos de R$1000. Vocês podem questionar o meu gosto, dizer que estou indo a lojas caras demais, podem questionar que eu estou sendo exigente demais… Pode até ser, mas gente, por favor, 20 lojas. Nenhuma com um vestido bem bacana por menos de R$1000.

Sei que vestidos de festa são trabalhosos, exigem um material mais “fino”, mais caro e tal, mas poxa… Não estou procurando marca, não estou procurando renda francesa, não estou procurando bordados feitos a mão pelas virgens cegas… Só estou procurando ficar bem vestida no casamento de uma amiga. Não é pedir demais né?!

Os poucos vestidos que encontrei dentro do meu budget (que inicialmente era um, mas teve que aumentar dado o cenário trágico da minha busca) eram super simples (e até meio sem graça) ou estavam mega em promoção. Ainda assim, digo pra vocês que nenhum deles arrebatou meu coração. Gastar uma grana dessa num vestido que a gente nem amou… dói o coração e o bolso, e desanima demais.

Falei sobre isso no snapchat e me sugeriram o aluguel de vestidos, pois bem, eu até tentei mas 99% das lojas de aluguel não faz ajustes ou seja, uma pessoa que mede 1,57 (eu!) tem dificuldade de encontrar alguma coisa que não precise de ajustes… Além disso, assumo que tenho um pouco de receio de alugar vestidos longos pois depois de umas biritas fico com medo de ficar meio “loka” na festa e acabar estragando o modelito.

Enfim, fica meu desabafo. Imagino que assim como eu muita vocês devem passar por isso. Outras, talvez, tenham alguma indicação maravilhosa de loja para eu comprar um vestido. Ou ainda tenham uma palavra de conforto para o meu coração partido de madrinha. haahahahah #dramaqueen

UPDATE: Na 23ª loja encontrei um vestido que eu amei. Foi acima do que eu queria gastar, mas pelo menos arrebatou meu coração, é lindo de morrer e super adequado pra ocasião. Em breve, look do dia para vocês! =)

Vocês pediram, eu tentei atender e gravei meu primeiro get ready with me. Estava na casa de uma amiga (oi Marilia!) me arrumando para ser madrinha do casamento da Ciça e do Olavo. Aproveitei que a Beth tava lá pra fazer nosso make e cabelo e filmei um pouco… o final ficou meio estranho porque acabamos nos atrasando e eu esqueci de filmar. Por favor, não briguem comigo. Foi meu primeiro GRWM e prometo que nos próximos vou tentar melhorar! =)

Nas fotos o cabelo tá um pouco diferente porque antes de sair pedi para a Beth mudar um pouquinho o penteado, não estava totalmente segura com ele até a hora de sair. Depois que ela mudou eu curti mais! espero que vocês tenham gostado, e claro, pra não perder o costume… Não esqueçam de se inscrever no canal e de curtir os videos, quem tá inscrito assiste primeiro e tem conteúdo exclusivo.

Vestidos-de-madrinha-de-casamento-iguais-cor-rosaAi gente, que assunto difícil! Desde que comecei a falar de casamentos, de ser madrinha, que vocês me pedem isso. Foram tantos comentários e emails que eu resolvi escrever a minha opinião sobre isso. Lembrando que é apenas o que eu penso e não uma regra ok?

Eu como noiva tentei poupar um pouco as minhas madrinhas nas despesas do meu chá-bar. Fiz isso por vários motivos: ia chamar muita gente e achei que ficaria caro demais, sabia que todas já teriam muitas outras despesas com vestido, cabelo, maquiagem, presente…  Além disso, queria que fosse tudo exatamente do meu jeito, como eu sempre sonhei. Combinei que elas providenciariam a mesa de doces e as brincadeiras e que o resto seria por minha conta. Esse foi o jeito de fazê-las se envolver e poupar um pouco as despesas.

Não vejo nenhum problema nas madrinhas pagarem todo o chá de panela, não mesmo, mas acho que a noiva tem que ter bom senso. Ela pode pensar em oferecer a comida e a bebida, enquanto as madrinhas providenciam decoração, brincadeiras, brindes… Ela pode até pedir que as madrinhas paguem tudo, mas acho válido pensar se de fato suas madrinhas podem pagar o chá que ela gostaria de ter. Nem sempre as pessoas podem né?!

Acho também que é uma ótima hora para a irmã e mãe da noiva se envolverem e tomarem a frente disso para pagar algumas coisas e aliviar o lado das madrinhas. Quase todos os chás que eu participei foram assim e deram super certo. As noivas amaram, a festa foi super bacana e nã ficou pesado para ninguém.

2027Ao mesmo tempo, entendo que os noivos estão tendo uma super despesa com o casamento e tal e que gastar mais dinheiro com o chá pode ser complicado, mas gente, o chá é pros noivos né?! Os padrinhos não deveriam ter que “bancar” a gente. Ajudar sim, bancar não. Sei lá, eu penso dessa forma, e todas as minhas experiências positivas foram feitas dessa forma. A única experiência “negativa” foi exatamente quando não seguiu essa regrinha…  ou seja, do meu ponto de vista, vale a pena sim as madrinhas ajudarem a fazer o chá, mas não bancarem seus sonhos e luxos sozinhas, entendem?!

Sei também que em vários lugares do Brasil a tradição é que as madrinhas banquem todo o chá sozinhas. Como eu falei, por mim tudo bem, contando que elas possam fazer isso e que não fique uma situação constrangedora ou desagradável pra alguma das meninas, sabe?! Seria chato ter que dizer a alguém que não pode ajudar a pagar ou que não pode dar a quantia que ficou estipulada para cada madrinha.

Gente, essa é a minha opinião. Mas sei que esse é um assunto polêmico. Queria muito saber o que vocês acham disso. Deixem ai nos comentários o que vocês acham e pensam sobre isso, quero muito saber.