FullSizeRender (2)Vira e mexe tento dar umas dicas de livros por aqui, mas assumo que estava meio por fora desse assunto pois não andava lendo muito (shame on me!). Porém, no último mês, o que eu sai de férias, comprei 2 livros e devorei os 2. Ou seja, tenho algumas boas dicas para vocês.

Mas antes, preciso alertá-los, esses são livros de ficção total. Ou seja, daquele tipo mentirada, que você fica super entretida mas que não acrescenta muito na sua vida. Sabem? Se vocês querem cultura de verdade, bem… melhor pular esse post. O que eles oferecem é entretenimento, suspense e mistério antes de qualquer coisa.

1. Objetos Cortantes – Gillian Flynn

IMG_2489Sinopse: Recém-saída de um hospital psiquiátrico, onde foi internada para tratar a tendência à automutilação que deixou seu corpo todo marcado, a repórter de um jornal sem prestígio em Chicago, Camille Preaker, tem um novo desafio pela frente. Frank Curry, o editor-chefe da publicação, pede que ela retorne à cidade onde nasceu para cobrir o caso de uma menina assassinada e outra misteriosamente desaparecida. Desde que deixou a pequena Wind Gap, no Missouri, oito anos antes, Camille quase não falou com a mãe neurótica, o padrasto e a meia-irmã, praticamente uma desconhecida. Mas, sem recursos para se hospedar na cidade, é obrigada a ficar na casa da família e lidar com todas as reminiscências de seu passado. Entrevistando velhos conhecidos e recém-chegados a fim de aprofundar as investigações e elaborar sua matéria, a jornalista relembra a infância e a adolescência conturbadas e aos poucos desvenda os segredos de sua família, quase tão macabros quanto as cicatrizes sob suas roupas.

Assim como o anterior é daqueles livros que você devora em poucos dias, aliás, a Gillian tem esse dom. A cada página você vai se envolvendo mais na história e conforme Camille vai chegando mais perto das verdades, acaba também descobrindo segredos obscuros. Isso vai deixando a gente muito tenso do outro lado. Achei legal o fato de ter várias reviravoltas e de fazer você achar que o assassino pode ser várias pessoas. Ao mesmo tempo ele tem um que de perturbador sabe?! Curti!

Onde comprar: Cultura | Saraiva | Fnac | Travessa

2. Lugares Escuros – Gillian Flynn

IMG_2490Sinopse: Libby Day tinha apenas sete anos quando testemunhou o brutal assassinato da mãe e das duas irmãs na fazenda da família. O acusado do crime foi seu irmão mais velho, que acabou condenado à prisão perpétua. Desde aquele dia, Libby passou a viver sem rumo. Uma vida paralisada no tempo, sem amigos, família ou trabalho. Mas, vinte e quatro anos depois, quando é procurada por um grupo de pessoas convencidas da inocência de seu irmão, Libby começa a se fazer as perguntas que até então nunca ousara formular. Será que a voz que ouviu naquela noite era mesmo a do irmão? Ben era considerado um desajustado na pequena cidade em que viviam, mas ele seria mesmo capaz de matar? Existiria algum segredo por trás daqueles assassinatos? Gillian Flynn intercala a trajetória detetivesca de Libby com flashbacks dos acontecimentos do dia dos crimes, o leitor é levado a diferentes direções. Lugares escuros não só mostra como a memória é passível de falhas, mas também evidencia as mentiras que uma criança pode contar a si mesma para superar um trauma.

Acho que já deu para perceber que eu realmente curto os livros da Gillian né?  Assim como o anterior a leitura é daquelas que passa voando e você não consegue parar de ler, sabe? Qualquer hora é hora de ler mais um pouquinho. Gostei mais desse e achei a trama mais intensa do que do outro. Uma das coisas  mais legais nesse livro pra mim é o fato da personagem principal ser total uma “anti-heroina”. Ela é zero mocinha de livro, sabem? É uma ótima opção para quem gosta de thrillers psicológicos e mistérios.

Onde Comprar: Cultura | Travessa | Saraiva | Fnac

Agora é só se jogar nas compras e aproveitar para passar os próximos dias colocando a leitura em dia e ficando tensa a cada página virada. Boa leitura!

12
nov 2014

Ajudinha na cozinha!

Sempre que me perguntam de onde vem minha inspiração para cozinha, eu respondo: da TV. Assisto a muitos programas de culinária e 90% das receitas que “invento” saem daí. Já até falei aqui sobre meus programas preferidos, mas nunca contei pra vocês que amo livros de culinária.

Esses dias, passeando pela livraria, dei uma olhada em alguns e selecionei para vocês os que eu considero os melhores. Alguns eu já tenho, outros estão na minha lista de desejos. Eles foram escolhidos sejam por ter boas receitas, por ter receitas mais saudáveis ou por ensinarem o be-a-bá de cada prato.

coisas que amamos sugestão de livros de receita 1

Cozinha de Estar – Rita Lobo: A apresentadora do GNT tem uma série de livros de receita super bacanas, mas esse é especialmente legal pois é focado em comidinhas para quem gosta de receber bem. Tá na lista de desejos.

Receitas da vovó: Esse entrou na lista por ter uma infinidade de opções de pratos que a gente ama e não sabe como fazer. São aquelas comidas que só mãe e vó fazem bem, sabe?! Esse livro ensina todas elas de forma fácil e didática.

Na cozinha com Nigella: Amo a Nigella. Pra mim as receitas delas são as melhores (e as mais gordas também). Tem umas sobremesas de cair o queixo e que são suuuuper fáceis de fazer. Gosto muito.

The Hangover Cookbook: Apesar de não gostar muito de receitas em inglês, adorei a proposta desse livro. Receitas rápidas, fáceis e ótimas para curar aquela ressaca. Tudo pra você fazer em casa, rapidinho sem estresse.

Bela Cozinha: Excelente opção para quem quer comer mais leve e mais light. A Bela prepara pratos saudáveis e super saborosos. Adoro o programa dela, e realmente to querendo experimentar uma de suas receitas saudáveis. Ta na wishlist.

30 e 15 minutos e pronto – Jamie Oliver: O chef britânico é o rei dos livros de receita. Ele tem vários, mas esses dos minutos são ótimos. Ele ensina diversas receitas rápidas que podem ser feitas em 15 ou 30 minutos. Eu tenho os dois e amo.

Com essa ajudinha fica fácil conseguir cozinhar e fazer coisas diferentes em casa, né?! Pra quem curte uma comidinha diferenciada #ficaadica. Aliás, se vocês tiverem outras sugestões de receitas, por favor, deixem aqui nos comments.

09
out 2012

Sorteio na fanpage!

Gente! Tá rolando um sorteio super legal lá na fanpage do CqA! Vou sortear dois livros “Com que roupa?” que ajudam a gente a pensar naquele look perfeito para ir a uma festa, jantar de noivado, batizado, entrevista de emprego…

Para participar basta curtir a fanpage e compartilhar a imagem que tem a foto do livro! Corra! O resultado sai dia 15 lá na fanpage mesmo.

Acesse www.facebook.com/blogcoisasqueamamos e participe!

Quem ainda não ouviu falar do tal “Ciquenta tons de cinza”? Pode ter sido na lista dos livros mais lidos, com o frenesi da mulherada quando o assunto é o Sr. Grey ou ainda com uma, duas ou várias pessoas na rua lendo o tal livro. Pois é… há algum tempo atrás me entreguei ao tal livro, e sim, AMEI. Fiquei sedenta esperando a chegada do segundo livro que compõe a trilogia e mais uma vez, estou amando. Cinquenta tons mais escuros consegue ser ainda melhor. É um daqueles livros gigantescos que você lê em pouquíssimos dias.

Apesar dos pesares, Christian Grey é um homem apaixonante e sua Anastásia é apenas uma de nós. Acho que é isso que faz do livro um grande sucesso de vendas, as mulheres sonham com um Sr. Grey pra elas e se identificam com Ana. Pra quem não sabe, o livro (que é sim romântico) tem um “quê” de pornografia feminina, como foi descrito em algumas revistas. Se você tem problemas com esse tipo de leitura, então nem comece, porque toda a historia dos livros se desenrolam por esse lado. Mas se não liga para isso, desde já eu aviso: Christian Grey vicia! Cuidado e boa leitura.