Já contei pra vocês que não sou o tipo de pessoa que tem super conhecimento de bases porque não é um produto que uso com tanta frequência. Tenho algumas que eu gosto muito mas realmente não sou conhecedora desse produto, por isso, depois de ler uma matéria em um revista americana que falava sobre as maquiagens preferidas das celebridades. Resolvi mostrar pra vocês as bases que elas mais gostam e o porque desse amor.

coisas que amamos bases das celebridadesEssas são as 5 mais usadas pelas celebridades, mas claro que não são as únicas. Eu pessoalmente adoro a Armani Maestro, mas ela realmente é bem levinha. Já usei a Teint Miracle, mas não me acostumei exatamente porque eu tinha a sensação de que todo mundo percebia a base na minha cara. Não curto isso. Achei essas bases para vender aqui, aqui e aqui.

Uma dica que eu li na revista é que muitas dessas celebridades que usam a base mais pesadona, quando querem um look mais natural, acabam misturando suas bases a um hidratante facial. Isso dá um ar mais dia a dia para a pele. Ou seja, aquela base com a cobertura mais intensa acaba sendo super multiuso. Legal né?!

Lookbook-Nath-19Esse poderia ser um assunto polêmico, mas não é por um único motivo: estou expressando a minha opinião, o que eu penso, o que eu acho e o que eu sinto com relação a tatuagens. Tenho duas. Sim, número par. Não ligo para certas superstições. Fiz a primeira aos 15 anos e a segunda há 1 mês. Amo minhas duas tatuagens. De verdade.

Minha primeira tatuagem fiz aos 15 anos, em Búzios, num rompante desejo de ser diferente e ter uma coisa que ninguém tinha. Meus pais autorizaram (com mil condições como: tem que ser pequena, em lugar que pode ser escondida, com um tatuador de confiança (!!!)) e eu criei na minha estrelinha uma simbologia toda especial, que agora não lembro mais. Mas na época eu juro que tinha criado uma mega explicação para ela. Hoje, a verdade é, queria mesmo ter uma tatuagem e ser diferente das pessoas que eu conhecia.

Work in progress! ???? 30 anos chegando e uma nova tatuagem tb! #tattoo #artfactory #wanderlust #30danath #????

Uma foto publicada por Nathalia Tosto (@coisasqueamamos) em

A segunda tatuagem foi muuuuito pensada. Anos e anos. Eu soube na hora que terminei a primeira tatuagem que faria outra. Não sei explicar o porque, apenas tinha certeza que faria. 15 anos se passaram e para comemorar um aniversário especial (afinal, 30 anos não se faz toda hora), fiz mais uma tatuagem. Aquela, que eu vinha pensando há anos…  

Fiz uma palavra, numa fonte escrita a mão. Wanderlust. Uma palavra que me representa nesse momento da vida. A costela foi o lugar que eu escolhi para deixar registrado esse desejo de conhecer e explorar o mundo. E posso falar uma coisa? Tô em lua de mel com a minha tattoo. Muito apaixonada sabe? Olho toda hora, cuido, passo hidratante, cremes…

Então, quando alguém me olha com olhos arregalados e pergunta em tom crítico “Mas você fez outra tatuagem?” eu só consigo responder “sim” com a voz mais apaixonada do mundo.Escrevi tudo isso só para as pessoas que estão planejando fazer uma tatuagem pararem para pensar um pouco, analisarem o desenho, o tatuador, a motivação… eu sou suspeita, como vocês sabem.

Mas assim como meus pais me colocaram mil condições naquela época, hoje se me perguntam, dou algumas recomendações como: pense MUITO bem antes de fazer. Depois não dá pra voltar atrás (pelo menos não completamente). Quando você já tiver pensado muito e tiver certeza, pense mais um pouco. Acredite que aquilo é realmente importante para você naquele momento e saiba lidar com uma possível decepção no futuro. Única e exclusivamente porque a gente muda com o tempo e o que você acha lindo hoje, pode achar horrível amanhã. Simples assim. Ah! Sigam a recomendação dos meus pais e façam em algum lugar de confiança, que tenha um tatuador experiente, que use material descartável, tenha autoclave para esterilizar tudo e que não te coloque em risco.

coisas que amamos receita sopa de cebola 1Tenho feito algumas receitas e colocado em tempo real no Snapchat (segue ai @coisasu) como vocês estão gostando, vou fazer isso de vez em quando, o que acham? Aproveito para replicar essas receitas por aqui também, afinal, não é todo mundo que tem Snap e lá eu não fico com isso registrado para toda a eternidade! hehehehe

Minha última aventura foi uma sopa de cebola. Com o frio chegando, achei que seria uma boa hora para me arriscar e apesar de não ter saído exatamente como deveria (vide a cara dela que não tá das melhores), até que ficou bem gostosa. Me inspirei em uma receita que vi no Periscope da Lu Zaidan e apesar dos pesares, no final das contas valeu a tentativa.

Você vai precisar de:IMG_0963- 1L de caldo de galinha (artificial ou caseiro)
– 3 cebolas grandes
– Manteiga e azeite
– Farinha de trigo
– Vinho branco seco
– Queijo Gruyere
– Pão (opcional)
– Sal e pimenta a gosto

Modo de fazer:

Comece aquecendo seu caldo ou colocando o sachezinho artificial para diluir na água. Enquanto isso, vá cortando as cebolas em tirinhas não muito grossas. Eu cortei com mais ou menos 3mm de espessura.

IMG_0964Depois de tudo cortado, derreta um pouco de manteiga e o azeite e coloque toda a cebola. Esse momento exige um pouco de paciência e leva mais ou menos uns 15 minutos. Deixe seu fogo baixo e vá mexendo a cebola até ela mudar de cor e ficar bem moreninha (cuidado para não queimar). Quando chegar nesse ponto, despeje o vinho e depois a farinha para engrossar. Coloque uma colher de sopa cheia para 1L de caldo. Mexa bem a farinha no vinho para não deixar nenhuma pelotinha e pode despejar o caldo.

IMG_0965Aumente um pouco o fogo e deixe por 15 minutos. Depois sirva, coloque uma fatia de pão (que eu não coloquei, por isso o queijo não gratinou), rale o queijo por cima e coloque para gratinar por alguns minutos.

Fica super leve, saborosa e muito gostosa. Ótima opção para quem não quer consumir muitas calorias e quer comer alguma coisa gostosinha e reconfortante nesse friozinho.

Outro dia estava dando uma organizada na minha penteadeira e me dei conta de que tenho vááários produtos daqueles bem baratinhos e super acessíveis, sabem? Então, resolvi fazer um video para mostrar pra vocês que é super possível montar uma necessaire inteira só com esses produtos e sem gastar muito. Mostrei no video alguns produtos que eu tenho, uso e gosto, mas além desses as opções são quase infinitas!

Edição: Juan Souza (juanesouza@hotmail.com)

Os produtos do vídeo são:

Primer – Payot
Base Revitalift – Maybelline
Corretivo líquido – Tracta (Cor 4)
Bronzer – Vult (cor 06)
Blush – Oceane
Rimel – Maybelline (Colossal, RockIt e Falsies)
Rimel Transparente – Vult
Lápis de Sobrancelha – Spa das Sobrancelhas
Lápis de Olho – Spa das Sobrancelhas
Paleta de Sombras – Coastal Scents
Pincéis – Nº21
Iluminador – Oceane
Esfoliante Labial – Mary Kay
Lip Balm – Baby Lips Maybelline
Batom Liquido – Dailus Pro (cor Atitude)
Batom – Vult
Batom Color Sensacional – Maybelline

Espero que vocês tenham gostado desse vídeo! Eu adorei fazer e reparar que a gente tem muito produto com preço bom e excelente qualidade. E claro, pra não perder o costume: não esqueçam de curtir o video e de se inscrever no canal. Quem tá inscrito, assiste sempre primeiro e tem acesso a conteúdo exclusivo.